Pular para o conteúdo
Início » Se você utiliza o Google Chrome, fique atento

Se você utiliza o Google Chrome, fique atento

    O Google Chrome é um dos navegadores web mais populares e amplamente utilizados em todo o mundo. Desenvolvido pela Google, foi lançado pela primeira vez em setembro de 2008 e desde então se tornou uma das principais opções para navegar na internet.  O navegador tem como destaque a interface intuitiva e de fácil manuseio, obtendo recursos de navegação intuitivos que permitem aos usuários acessar facilmente a web. Além disso, a sua velocidade no carregamento de páginas, desempenho e eficiência, especialmente ao lidar com múltiplas abas e aplicativos da web.

    A nova atualização do Chrome, potencializada pela inteligência artificial Bard, tem como objetivo aprimorar a organização de abas no navegador. O Google está trabalhando em uma importante atualização para o Chrome, visando integrar Bard, sua inteligência artificial generativa, ao navegador. Uma das inovações esperadas é o recurso “Organizar Abas”, que utilizará a tecnologia de IA para otimizar o agrupamento de abas dos usuários. Inicialmente não presente nos testes, a versão beta do recurso agora revela uma animação semelhante aos resultados de busca impulsionados por IA.

    Até o momento, o Chrome permanece como um dos poucos serviços da Alphabet que ainda não incorporaram a inteligência artificial generativa. O Google já implementou essa tecnologia em plataformas como Drive, Gmail, Maps e até mesmo no YouTube.

    Em um vídeo compartilhado no Twitter por Leopeva64, especialista em Chrome, pode-se observar que, ao selecionar “Organizar Abas”, a funcionalidade inicia o carregamento, mas não completa o processo, resultando em uma mensagem de erro.

    Vale destacar que Chrome possui um canal de desenvolvimento chamado “Canary” que permite aos usuários testar recursos experimentais antes de serem lançados oficialmente e é compatível com uma ampla variedade de padrões da web e tecnologias modernas, o que o torna ideal para executar aplicativos da web e websites mais avançados.

    Funções de sincronização e integração permitem aos usuários acessar seus favoritos, histórico de navegação, senhas e outras informações em vários dispositivos, como smartphones, tablets e computadores. Com alta segurança e privacidade, o Chrome frequentemente mplementa regularmente atualizações de segurança para proteger os usuários contra ameaças online. O navegador também oferece opções de privacidade, como navegação anônima e controles de segurança aprimorados.

    O que é a Inteligência Artificial ?

    A inteligência artificial (IA) refere-se à capacidade das máquinas ou sistemas de realizar tarefas que normalmente exigiriam inteligência humana. Essa disciplina visa criar sistemas que possam raciocinar, aprender, perceber, entender, tomar decisões e resolver problemas de maneira autônoma, sem intervenção humana direta.

    Existem diferentes tipos e abordagens de IA, incluindo, inteligência artificial fraca, também conhecida como inteligência artificial específica, refere-se a sistemas de IA projetados para realizar tarefas específicas dentro de um conjunto limitado de contextos. Exemplos incluem reconhecimento de fala, recomendação de produtos, carros autônomos, chatbots, entre outros. A inteligência artificial forte,  esta é uma forma teórica de IA que teria a capacidade de entender, aprender, raciocinar e resolver problemas de forma semelhante à inteligência humana em uma ampla gama de atividades. No entanto, essa forma de IA ainda não foi alcançada e permanece mais no campo da especulação e pesquisa teórica.

    Os métodos comuns utilizados na implementação da Inteligência Artifial é  a Machine Learning, na qual é um subconjunto importante da IA, no qual os sistemas são projetados para aprender e melhorar a partir de dados sem serem explicitamente programados. Isso inclui algoritmos de aprendizado supervisionado, não supervisionado e por reforço. As Redes Neurais Artificiais, que foram inspiradas na estrutura do cérebro humano, as redes neurais são um modelo computacional que pode reconhecer padrões complexos nos dados e são frequentemente usadas em problemas de aprendizado profundo.

    E o processamento de linguaguem natural, onde consiste em uma área da Inteligência Artificial focada na interação entre computadores e linguagem humana, permitindo a compreensão, geração e processamento de texto ou fala. A Inteligência Artificial está sendo aplicada em uma variedade de setores e campos, desde assistentes virtuais e carros autônomos até diagnósticos médicos, previsão de mercado, automação industrial e muito mais. Seu potencial é amplo e seu desenvolvimento continua a evoluir, impulsionado pela pesquisa, avanços tecnológicos e aplicações práticas em diversas áreas.